Hoje, o plástico faz parte integrante de nossa vida, estando presente em um número incomensurável de objetos e coisas por nós utilizados: embalagens, saquinhos de lixo, objetos de uso pessoal, garrafas de refrigerantes e uma infinidade de objetos.

O plástico tem tido sua utilização cada vez mais desenvolvida em todos os setores industriais e por sua versatilidade e propriedades físico-químicas, tem substituído, com vantagens, a madeira, os metais e as ligas metálicas, o vidro e o papel, as fibras vegetais e animais, pois muitos deles já estão escassos na natureza ou têm um custo de produção bem mais elevado.

O plástico em contato com a terra é inerte e não polui. É 100% reciclável, transformando-se em novos produtos ou em energia, preservando assim nosso recursos naturais.

Conscientes da preocupação mundial que atualmente vem se intensificando, a Pampack Embalagens e seus parceiros desenvolvem produtos, alinhado com os esforços que vem sendo desenvolvidos atualmente nos paises mais avançados. Pesquisas realizadas em institutos e universidades de vários países comprovam que o uso do plástico tornou-se essencial para redução da poluição ambiental.
 

Veja alguns motivos:
 

Economia de energia elétrica: O plástico gasta 32% a menos de energia e água para ser produzido em relação ao papel; reciclar 1 tonelada de plástico significa economizar 130 kg de petróleo.
 

Redução da Exploração Florestal: ao substituir o papel, o papelão e a madeira na fabricação de embalagens;
 

Diminuição de Rejeitos Sólidos: as embalagens plásticas são responsáveis por apenas 5% a 7% do peso dos lixos domésticos.

Caso as embalagens plásticas fossem totalmente substituídas por papel, madeira, vidro ou metal, acarretaria nas seguintes conseqüências:

Quadruplicação do peso dos rejeitos.
Duplicação do volume dos rejeitos.
Duplicação do consumo de energia.
Duplicação dos custos.
 

No transporte de mercadorias: Devido a sua maior leveza a utilização do plástico resulta em menor consumo de combustível.
Exemplo: Um caminhão que carrega água mineral em garrafas de vidro está na verdade transportando 57% de água e 43% de vidro, em seu peso total. Porem se forem utilizadas garrafas plásticas, passará a transportar 93% de água a apenas 7% do peso em embalagem.
Isso apresenta uma economia de 39% de combustível, sendo que a emissão de poluentes dos escapamentos destes veículos também diminui na mesma proporção.
 
Redução de espaço de armazenamento: As embalagens plásticas são leves e compactas, por isso, em alguns casos chegam a reduzir em até 92% a utilização de espaços para estocagem.

Redução da poluição: A produção de objetos feitos em plástico causa menos poluição que a fabricação de produtos similares fabricados em outros materiais.
 
Tudo isso, faz do plástico hoje a melhor alternativa para a preservação do meio ambiente.

 

|